LeYa na Estrada – Rio – 2016

Olá, Pessoas! Dia 2 de maio foi o encontro LeYa na Estrada aqui no Rio de Janeiro. Isso mesmo, em uma segunda-feira, na Cultura do Centro do Rio, um dos bairros mais perigosos da cidade para se passear à noite. Mas é eventinho, é novidade, vamos correr o risco entre os crackudos e os pivetes de rua! \o/

Zoação à parte, o Centro não é um bairro para se dar mole depois do horário de expediente normal de trabalho, então peguei meu marido pelo braço e fomos nos aventurar na noite literária carioca.

00_leya-na-estrada

Com apresentação do Affonso Solano, autor e curador da LeYa para assuntos fantasísticos, e do Rômulo Medina, responsável do marketing da editora, o auditório quase lotado viu algumas informações sobre lançamentos e decisões editoriais que são tomadas durante a produção dos livros. Vou ficar devendo muitas oficializações de datas dos lançamentos. Uma das coisas que explicaram ao longo da apresentação é que datas dependem muito de vários outros livros que estão agendados ao longo do ano. Então, quando aparecer alguma informação aqui no post é uma previsão daquelas que você não coloca a ferro e fogo, ok? ^.~

Vale uma informação que meu celular não é lá essas coisas para tirar fotos, principalmente em locais com uma iluminação bizarra e projeções de apresentações. Então acreditem no que eu disser que tem na foto e vem comigo! o/


Um dos primeiros lançamentos de fantasia urbana do ano, A Torre (que já foi resenhado no blog) foi um dos livros que os apresentadores falaram sobre o processo criativo da capa. Nas próximas imagens (acreditem) vocês podem ver a capa final, que já está em todas as livrarias, e os dois conceitos que foram mostrados e evoluídos para chegar na última versão.

01_a-torre

Affonso disse que a primeira versão tinha uma pegada muito próxima de jogos de video game e não passava a ideia de uma fantasia urbana com certo grau sombrio. E vamos combinar, nem do ar britânico que permeia a história. Acreditem, essa capa vermelha aqui embaixo não estava tão legal. :P

02_a-torre

A segunda versão é bem mais próxima do resultado final, mas a escolha da fonte ainda não estava acertada, então ela precisou passar por um refino final. Mas o brasão e o padrão cromático foram mantidos na versão final.

03_a-torre

No começo do ano também foi lançado o último volume da série O Trono do Sol. Originalmente, A Magia da Aurora já havia sido lançado em formato digital, mas agora ele chegou às livrarias em formato físico para os fãs completarem a coleção (obrigada, apesar de eu nem ter começado a ler).

04_trono-sol

Para todo mundo que está Defying Gravity e esperando os preços das passagens para São Paulo diminuírem para assistir o espetáculo Wicked, já podem se preparar lendo o livro em que o musical foi baseado. Wicked, de Gregory Maguire, é um dos lançamentos de maio da editora, e faz parte de uma série que reconta a história de Dorothy e do Mágico de Oz. Eu já li há alguns anos, mas confesso que não lembro muito além de ter ficado chocada com alguns temas abordados no livro.

05_wicked

A Canção do Sangue - Anthony RyanEm 2014 a LeYa lançou uma chaproca (traduzindo: 640 páginas) chamada A Canção do Sangue, o primeiro livro da série de Anthony Ryan. Na época, eu recebi o e-book para ler, mas lembro que a capa era meio genérica, com seu cavaleiro medieval segurando uma espada. Acho que isso não ajudou nas vendas porque, agora, com o lançamento do segundo volume, O Senhor da Torre, a editora investiu em uma nova identidade visual e na contratação de um ilustrador para criar o clima que os livros merecem.

Esses livros também receberam slides especiais, para mostrar a evolução da ideia das ilustrações, de um speed painting, ao refino e arte final para a capa de O Senhor da Torre.

06_cancao-sangue

Um dos únicos lançamentos que eu não tirei foto (vai saber porquê, devo ter me desconcentrado anotando coisas) foi World of Warcraft: Crônica ~Volume 1. O livro que fala sobre o lore do meu jogo favorito já está nas livrarias e eu pude ver com as mãos. Capa dura e um tratamento belíssimo para o projeto gráfico, além de papel couchê para o miolo. O preço está um pouco salgado, R$89,90, principalmente sabendo que será um trilogia… Poupancinha do Warcraft começando assim que eu voltar a trabalhar.

world of warcraft: crônicas

Apesar de ter achado o projeto lindo, como fã de WoW, preciso “reclamar” da arte da capa. WoW sempre foi um jogo com personagens cartoonizados, com cores vibrantes e nunca teve um apelo sombrio. O jogo da Blizzard que tem esse clima é Diablo, e é exatamente essa impressão que a imagem me passa, que vou ler um livro de Diablo. Fica aí a chamada para que os próximos volumes tenham uma nova visão para as capas.

Outra série de fantasia urbana que chega ainda esse ano é Miriam Black, de Chuck Wendig. Até o momento a série conta com três livros lançados e tem previsão de um total de cinco. A intenção aqui foi de manter o nome original dos livros, por uma questão “fonética” (porque soa mais bonito em inglês :P) e porque aqui no Brasil a maioria das pessoas não conhece os pássaros por seus nomes. Por exemplo, Blackbirds, o primeiro livro, seria traduzido como Melro e eu tive que dar um Google para saber quem ele era. Uma curiosidade, todos os livros da série são nomeado como pássaros pretos, considerados “arautos” de más notícias.

07_blackbirds

Depois de finalizar a trilogia A Saga do Assassino, a LeYa vai lançar lá para outubro/novembro uma nova série de Robin Hobb, Liveship Traders. Esta também é uma trilogia que se passa no mesmo universo de A Saga do Assassino, só que agora girando em torno de navios e da madeira mágica nos quais foram feitos. Engraçado que agora está vários livros de pirataria e navegação lá nos EUA, se vocês acompanham o Goodreads, por exemplo, dá para ver algumas capas com essa pegada. E Robin Hobb já tinha lançado Ship of Magic lá pelos idos de 1998.

08_ship-magic

Mais um livro para os fãs de quadrinhos, Superman: Uma Biografia não autorizada, de Glen Weldon, vai se juntar aos dois romances de Batman e do próprio Superman, lançados pelo ex-selo Fantasy. O livro não é um romance, mas mais uma história de como o personagem foi criado e sua evolução ao longo do tempo.

09_superman

Um livro que me pareceu ser um YA no meio de tanta fantasia é O Enigma de Blackthorn, de Kevin Sands. O segundo livro deve ser lançado esse ano lá fora. A curiosidade aqui foi em questão de adaptações de linguagem. No original, o personagem é aprendiz de um apothecary, que em tradução direta/lvre é boticário, que não é a loja de perfumes. O medo aqui foi criar uma associação direta com a marca que todo mundo já conhece e diminuir o sentido da história, pensando que o personagem fosse um “perfumista”. Acontece que não foi possível encontrar nenhum sinônimo bom o suficiente para a palavra original, nem mesmo um neologismo ficou interessante (apotecário). Então vai ser boticário mesmo.

10_enigma-blackthorn

Em novembro passado, provavelmente aproveitando o hype que o novo filme de Star Wars estava gerando, a LeYa lançou o Almanaque Jedi, escrito por participantes do Conselho Jedi do Brasil. Agora a promessa é dO Livro Definitivo dos Trekkers (título provisório), escrito por Salvador Nogueira. Ainda não tem capa, não tem sinopse, mas tem minha foto maneira para vocês, e para ocupar mais um pouco do post.

11_livro-trekkers

Outro investimento em YA, previsto para o meio do segundo semestre (Bienal, talvez?) é O Programa, da Suzanne Young. Se você estava com saudade de uma distopia, talvez possa dar uma chance para o díptico da autora (pelo menos lá fora parece só haver dois volumes). Só achei um pouco pesado o tema principal do livro, que gira em torno de uma epidemia de suicídio entre os jovens, e para evitar que eles realmente se matem, eles são enviados para o Programa, onde são curados, mas perdem todas as memórias.

Houve uma reclamação geral sobre a capa original do livro, e uma solicitação para que fosse mudada. Particularmente eu não vi problema nenhum com ela…

12_o-programa

Um lançamentos para quem gosta do estilo de fantasia de Neil Gaiman, A Biblioteca de Monte Char, de Scott Hawkins, tem todos os elementos fantásticos e misteriosos que todos conhecem do criador de Sandman.

13_biblioteca-monte-char

Agora Chuck Palahniuk. Taí um autor que eu sempre tive curiosidade de ler, e a LeYa meio que tem os direitos de muitos dos livros dele lançados por aqui. As novidades são a graphic novel de O Clube da Luta 2, que vai ser lançado com tratamento de luxo e capa dura. Além disso, Clube da Luta vai fazer 20 anos de aniversário de lançamento e eles estão se preparando para comemorar a data. Haunted (Assombrado) era da Rocco mas agora vai ser relançado pela LeYa; além de uma coletânea de contos chamada Make Something Up. Por último, Lullaby (Cantiga de Ninar), que estava esgotado ou fora de catálogo (agora não lembro bem) e também era da Rocco, vai sair até o fim do ano ou em 2017.

14_chuck-palahniuk

A continuação da série Saga do Fim do Mundo, de Gillian “Dana Scully” Anderson, Um Sonho de Gelo, também sai até o fim do ano. Affonso disse que a intenção é fazer uma capa nacional, principalmente porque não temos o costume de lançar artes com o nome do autor com tanto peso como na capa original. Olha… eu tenho minhas dúvidas quanto a essa afirmação do curador da LeYa (cof cof MARTIN cof cof), mas vou deixar quieto. XD

15_sonho-gelo

Para os fãs de RPG tem a biografia do criador do sistema D&D, Dungeons and Dragons: O Império da Imaginação, de Michael Witwer. Nesse livro Affonso comentou que a ideia para a capa foi manter a conexão com um grimório do tradicional jogo.

16_dungeons-dragons

FINALMENTE uma previsão para o lançamento do último volume da trilogia Mistborn, O Herói das Eras. O livro de Brandon Sanderson deve sair no segundo semestre e fecha a história de Vin. Deve ser mais uma chaproca de respeito, mas o universo de Sanderson é tão bom (apesar de ter alguns momentos bem lentos) que eu não me importo muito de atravessar 500+ páginas para finalizar o livro e a série.

17_heroi-eras

Se você sentiu falta de sci-fi na lista de novidades, não fique triste. A editora vai lançar uma trilogia de Alien: Out of the Shadows, de Tim Lebbon. Como eu não conheço direito a série de filmes (desculpa aí, não lido bem com extraterrestre assassinos e carnívoros em filmes de terror/horror), não sei dizer se os livros são roteiros romantizados ou novas histórias dentro do universo do etzão. Só tenho para dizer que a capa é bem bizarrinha e vai agradar os fãs do concept artist e ilustrador H.R. Giger.

18_alien

Penúltimas novidades. Não podia faltar alguma coisa de George R.R. Martin no evento, não é mesmo? Não, não tem previsão de quando sai Winds of Winter, mas a editora vai lançar uma coletânea de contos organizada pelo autor chamada Dangerous Women. Dos autores listados como colaboradores eu conheço: Joe Abercrombie (de O Poder da Espada), Megan Abbott (de A Febre), Brandon Sanderson (de Mistborn), Lev Grossman (de Os Magos), Diana Gabaldon (de Outlander), e Sherrilyn Kenyon (de Amante da Fantasia).

19_dungerous-women

Mais uma graphic novel do mundo de Gelo e Fogo também vai ser lançada. O Cavaleiro dos Sete Reinos (que tem resenha do romance aqui no blog) vai sair agora em uma versão ilustrada para os fãs que também gostam das histórias em quadrinhos do universo do Martin.

20_cavaleiro-7-reinos

E para quem curte a série (infinita) de Wild Cards, além do lançamento do quinto volume Jogo Sujo, a editora avisa que a intenção a partir de agora é lançar três volumes da saga por ano. Ou seja, ainda tem tempo para mais dois livros dos Aces e Coringas até 2016 acabar.

21_wild-cards

Uma pergunta feita durante o evento foi sobre o segundo livro da série A Cidade Solitária, que começou com A Joia (que tem resenha no blog). Rômulo evitou responder mas disse que “novidades em breve”. ¯\_(ツ)_/¯

A última notícia da noite veio de Affonso Solano e sua série O Espadachim de Carvão (com resenha do primeiro e do segundo aqui). O terceiro livro tem previsão de ser lançado no primeiro semestre de 2017 e não existe uma ideia de quantidade total de volumes para a saga de Adapak. A intenção de Solano é criar uma série interessante como a do personagem Conan, do qual é fã, e dar a possibilidade de crescimento e expansão ao mundo de Kurgala como foi feito com o do Cimério.

E para os que ficaram curiosos sobre o presente que todos os participantes levaram para casa, a sacola da LeYa veio com o primeiro volume de A Canção do Sangue com a nova capa, uma bússola, caneta e um mapa de Westeros/Essos em tecido!

leya_cancao-sangue-div


Por hoje é só! ^.^

Até a próxima! o/

Bienal do Rio 2015 – Eu fui

17ª Bienal Internacional do Livro - Rio de Janeiro 2015De dois em dois anos é sempre a mesma loucura. Bienal do Livro no Rio! \o/ YEAAAAH-YUHUHH Tenho tentado sempre coincidir minha férias com a época do evento para tentar não ir nos fins de semana.

Por volta de abril/maio eu já começo os meus preparativos pessoais para ir na Bienal, o que significa “lista de livros desejados”. Isso é uma coisa que eu não consigo ficar sem quando vou ao evento. É nessa lista que eu anoto os preços dos livros de pesquisas online, para comparar com o dia que eu for na loucura, e é assim que sei se vale ou não à pena realmente comprar o livro na Bienal.

Mapa da Bienal e lista de livros desejados

Outra coisa importante é o mapa esquemático dos stands. Normalmente você só consegue acessar esse mapa no site da Bienal a partir de julho/agosto mas a tendência é existir pouca variação até a abertura oficial do evento.

Agora, pausa para momento para um breve mimimi.

Acho que já comentei em outros posts sobre a Bienal, mas tenho uma visão provavelmente diferente da maioria das pessoas que frequentam o evento. Minha intenção sempre foi comprar livros. Entrar nos stands customizados das editoras, me sentir abraçada e cercada por todo aquele catálogo infinito de livros e torrar o meu dinheiro. Só que nos últimos anos isso tem ficado bem difícil e cansativo.

Para os que não moram no Rio, a Bienal acontece em um dos bairros mais afastados dos principais “centros urbanos residenciais”. Se você não mora no Recreio/Barra/Jacarepagua (e redondezas) pode contar com pelo menos 2h de deslocamento. Só para ir! Some-se a isso custo do transporte ou da gasolina, se você estiver indo de carro (como foi no meu caso), estacionamento, entrada e almoço, porque você vai sofrer toda essa viagem e não vai ficar só uma horinha no evento. Some-se, ainda, a isso toda a modificação que o Rio está passando para as Olimpíadas e as obras insuportáveis, que se traduzem em engarrafamentos intermináveis…

Estou parecendo uma velha chata reclamando, mas porque provavelmente é nisso que eu estou me tornando. Acho que não tenho mais disponibilidade para me deslocar tanto assim, gastar tanto dinheiro para estar no evento e os livros em si não serem “acessíveis”. Desculpa, mas não vou pagar o preço full de capa de um livro. Se eu quisesse gastar meu dinheiro assim eu posso ir em qualquer livraria.

E eu não sou dessas que encara chegar 7h-8h da manhã para ficar em uma fila esperando abrir o evento, para ir para outra fila para pegar uma das mínimas senhas disponíveis para um autógrafo com este ou aquele autor. Já me questiono quando é evento de editoras e acontece esse tipo de coisa, imagina um evento no fim do mundo?! O.o

Então, é, provavelmente essa se encaminha para ser uma das minhas últimas Bienais. Também porque não tenho mais paciência para pessoas mal educadas entupindo os stands, se metendo na sua frente, correndo, gritando… #velhachata Consigo comprar todos os livros que quero em promoções do Submarino/Americanas/Amazon no conforto da minha casa e por preços muito mais convidativos.

Sei que é uma forma de aproximar as editoras dos leitores, uma celebração da literatura, mas não sei se o evento tem mais alguma coisa a ver comigo. ¯\_(ツ)_/¯

Mimimis de velha chata à parte, tirei fotos de alguns dos stands que visitei para mostrar para vocês. Minha Bienal meio que se resumiu praticamente ao Pavilhão Azul, aonde estavam as maiores editoras do evento. Vem ver!

Grupo Editorial Record

Era um dos maiores stands do pavilhão azul, e tinha livros de praticamente todos os selos do grupo espalhados nas mesas e estantes. Na minha lista de desejados era uma das editoras que tinha mais livros que eu queria comprar, mas foi uma das que eu saí de mãos abanado. =/ Os preços eram de capa com 20% de desconto, se bem me lembro, mas não era uma variação que fazia com que os livros ficassem próximos dos valores que eu achei online.

Grupo Editorial Record

Grupo Editorial Record Grupo Editorial Record

Valentina

O stand da Valentina estava muito mais elaborado do que o de 2013, com vitrines e estantes, mas também saí de mãos abanando (de livros, mas peguei alguns marcadores). A promoção era de desconto progressivo, 10% no primeiro livro, 20% em dois e 30% em três ou mais. Só acho que eu sou muito preguiçosa para ficar fazendo contas enquanto escolho o que eu quero ou não comprar. Seria muito mais prático que todos os livros já estivessem com pelo menos os valores dos 10% de desconto.

Editora Valentina

Arqueiro/Sextante/Saída de Emergência

Se você quisesse livros de colorir, o stand da Arqueiro/Sextante era o que tinha os mais legais. Principalmente com o lançamento dos três do Maurício de Souza/Turma da Mônica. Os livros da Saída de Emergência estavam com preços interessantes, os romances de época saíam todos praticamente por R$19,90 e no cantinho perto do caixa existiam um nichos com livros por até R$9. Aqui comprei dois livros. ^.^

arqueiro_02

Editora Arqueiro/Sextante/Saída de Emergência Editora Arqueiro/Sextante/Saída de Emergência Editora Arqueiro/Sextante/Saída de Emergência

Novo Século

Na Novo Século eu fui procurar uma série para meu irmão, que ganhou o terceiro volume mas não tinha os anteriores. E tentar completar minha série da “mardita” :P, com Redimida. Mas os descontos também não estavam interessantes.

Editora Novo Século

Rocco

A Rocco tinha desconto de 20% em todos os livros (de novo você que tinha que fazer as contas), mas nenhum dos que eu queria, de uma lista considerável, ficavam com valores legais mesmo depois da matemática para descobrir o preço final. Nada de Licia Troisi, Raphael Draccon, Carolina Munhoz, Marie Lu para mim… =/

Editora Rocco

Depois de visitar esses stands, meu marido e eu fizemos uma pausa para almoçar, porque ninguém sobrevive de barrinha de cereal e frutas secas. :P

Moderna/iD

Fui visitar o stand da Moderna mais para ver se teria algum saldão da iD, que foi descontinuada. Realmente, os livros do selo estavam bastante convidativos, com preços variando de R$5,50 a R$16. Aproveitei para comprar um, e pedi para minha mãe visitar novamente no último domingo para tentar garantir outros livros. Aproveitei e também comprei um livro infantil para meu sobrinho.

Editora Moderna/iD

LeYa/Fantasy/Casa da Palavra

A LeYa tinha uma fila enooooorme de pessoas só para sentar no trono. XD Aqui eu aproveitei para conseguir o reembolso da entrada do meu marido, então gastei pelo menos R$80 nos livros que selecionei, mas os preços não estavam tão maravilhosos. Pelos menos os que escolhi levar estavam com preços iguais ou levemente mais baratos do que os da internet.

Editora LeYa/Fantasy/Casa da Palavra Editora LeYa/Fantasy/Casa da Palavra

Novo Conceito

A Novo Conceito estava lotada de adolescentes, principalmente porque foi o momento em que o Rafael Moreira, de Diário de um Adolescente Apaixonado, apareceu no stand para dar autógrafos. Intransitável e com preços normais. Queria os livros da Bella Andre, mas estavam todos R$20. Nada para mim aqui.

Editora Novo Conceito

Editora Novo Conceito Editora Novo Conceito

V&R

Entrei de olho em Maze Runner e Perdão Mortal, mas estavam R$42 cada livro de Maze e também o lançamento da Robin LaFevers. O box da série, com cinco livros e desconto “especial”, saía por R$162… u.u

V&R Editora

Companhia das Letras

A Companhia é uma das que tem mais selos hoje em dia. Seguinte, Paralela, Suma, tudo junto aqui, mas os livros que eu mais queria, O Círculo Rubi, Conquista, a trilogia da Rachel Van Dyken, e os livros da J.A. Redmerski estavam todos com preço full.

Companhia das Letras

Companhia das Letras Companhia das Letras

Intrínseca

A Intrínseca, assim como em 2013, foi meu stand do shut up and take my money. Foi de onde eu saí com a maior quantidade de livros e que tinha mais áreas de descontos. Livros de R$5 e R$9 em várias estantes de um dos lados do stand. Completei a série Feita de Fumaça e Osso e ainda comprei outros livros independentes. Pena que os volumes do Legado Loren estavam com preços full, queria ter levado também.

Editora Intrínseca Editora Intrínseca

Universo dos Livros

A Universo anda investindo bastante em literatura (erótica) feminina, mas o que eu sempre volto para buscar é a (infindável) série da Irmandade da Adaga Negra. O livro mais recente, Os Sombras, estava em destaque mas eu não tinha achado o preço online, então não soube dizer se os R$30 estavam ou não valendo a compra (olhando hoje na Amazon, está R$39,90 =/). Por isso, ele ficou por lá.

Editora Universo dos Livros


Saldo final: engarrafamento, estacionamento, ingresso, almoço, um pé torcido (de novo), cansaço, leve irritação, frustração com os preços… Não sei se em 2017 pretendo passar por isso de novo.

Minhas compras eu vou mostrar em um post de Aquisições, especial de Bienal. Aguardem.

E vocês? Já estão se preparando para a Bienal de São Paulo ou vocês também já se desiludiram dessa coisa toda. :P

Até a próxima! o/

#MochilãoDaRecord

#MochilãoDaRecord

Mais uma editora começou a se movimentar pelo Brasil para se aproximar de seus leitores. O Grupo Record vai viajar por 10 cidades, do dia 29 de maio até 14 de junho.

O evento chega cheio de novidades de todos os selos, repleto de brindes para os participantes e ainda vai contar com a presença de vários convidados. Veja quando a Record vai chegar na sua cidade.

29 de maio – Fortaleza, CE

Livraria Leitura do Shopping Riomar Fortaleza
Endereço: Rua Desembargador Lauro Nogueira, 1500, Lj 2143, Piso L2
Hora: 15h30
No Facebook ~ http://bit.ly/MochilãoRecordFortaleza

30 de maio – Recife, PE

Livraria Cultura Shopping Riomar Recife
Endereço: Avenida Republica do Libano, 251
Hora: 13h
No Facebook ~ http://bit.ly/MochilãoRecordRecife

31 de maio – Salvador, BA

Livraria Cultura do Salvador Shopping
Endereço: Avenida Tancredo Neves, 2.915 – Piso 2
Hora: 13h
No Facebook ~ http://bit.ly/MochilãoRecordSalvador

5 de junho – Porto Alegre, RS

Livraria Cultura do Shopping Bourbon Country
Endereço: Avenida Túlio de Rose, 80 – Piso 2 – Loja 302
Hora: 19h
No Facebook ~ http://bit.ly/MochilãoRecordPortoAlegre

6 de junho – Florianópolis, SC

Saraiva do Shopping Iguatemi
Endereço: Avenida Madre Benvenuta, 687
Hora: 12h
No Facebook ~ http://bit.ly/MochilãoRecordFloripa

7 de junho – Curitiba, PR

Livraria Cultura do Shopping Curitiba
Endereço: Rua Brigadeiro Franco, 2300 – Piso 3 – Loja 306
Hora: 14h30
No Facebook ~ http://bit.ly/MochilãoRecordCuritiba

11 de junho – Brasília, DF

Livraria Cultura do Casa Park
Endereço: SGCV – Sul, Lote 22 – Piso 2 – Loja 4, Zona Industrial
Hora: 19h
No Facebook ~ http://bit.ly/MochilãoRecordBrasília

12 de junho – Rio de Janeiro, RJ

Livraria Cultura Cine Vitória
Endereço: Rua Senador Dantas, 45
Hora: 18h30
No Facebook ~ http://bit.ly/MochilãoRecordRio

13 de junho – Belo Horizonte, MG

Livraria Leitura do Shopping Estação BH
Endereço: Av. Cristiano Machado,11833, Lj. 3026 – Piso 3
Hora: 15h
No Facebook ~ http://bit.ly/MochilãoRecordBH

14 de junho – São Paulo, SP

Livraria Saraiva do Shopping Center Norte
Endereço: Travessa Casalbuono, 120 – Loja 414
Hora: 14h
No Facebook ~ http://bit.ly/MochilãoRecordSP


E se a sua cidade não foi contemplada nesta edição não fique chateado! É bem provável que aconteça um novo mochilão ainda este ano! Então, torça para que o evento dê super certo e que mais cidades entrem na rota da editora. ^.~

Até a próxima! o/

bate papo com a arqueiro

Aconteceu no dia 9/4 e na verdade, foi um “café da manhã” com a Arqueiro, Sextante e Saída de Emergência, uma conversa informal com os livreiros do Rio de Janeiro, que o pessoal do marketing da editora gentilmente estendeu o convite para os blogs parceiros. É a segunda ou terceira vez que participo de um evento desse porte da Arqueiro, e sempre é divertido ver os donos da editora muito tranquilos e à vontade para apresentar os livros que eles acreditam que são apostas de vendas.

Para os blogueiros o mais interessante são os futuros lançamentos e essa oportunidade de estar perto da equipe da Arqueiro. Mariana, Fernanda, Natália, Fernando e Isabela sempre são muito simpáticos e empolgados com os livros. Eu agradeço muito que meus chefes sempre foram compreensivos e me deixaram das umas escapulidas para prestigiar os eventos.

Como avisei para vocês no Facebook, o evento aconteceu em um cinema e a iluminação não estava muito favorável para pessoas com câmera fajuta de celular, exatamente o meu caso. =/ Então, as fotos não vão ser aquele primor de qualidade, e confesso que não dediquei tempo algum para tentar tratar nenhuma. Peço desculpas por isso. u.u

São muitas fotos, porque cobrem livros das três editoras, então, para não deixar um scroll enorme na home do blog, vou colocar um salto/quebra no post. Para ler tudo e ver todas as novidades é só continuar depois do “pulo”! XD

arqueiro_abertura

Leia mais…

leya na estrada – rio de janeiro

Ok, o evento da LeYa na Estrada aqui do Rio já aconteceu há pelo menos um mês (foi dia 7/6), mas só agora conseguir voltar à “programação normal” do blog. Junho foi um mês diferente, quase não teve postagens por aqui, porque fiquei extremamente concentrada na promoção de dia dos namorados que foi exclusiva do Facebook (espero que vocês tenham participado).

Mas bem, desculpinhas à parte, o evento foi muito legal, vários brindes super chiques, livros, marcadores e uma bolsa que é só amor. Pude ver a Camille do Beletristas sendo super desenvolta com a plateia, finalmente conheci a Tatiany e ainda de quebra tive a companhia da Ize Chi (autora de A Herdeira do Mar). Fiz algumas considerações sobre algumas pequenas coisas que podem melhorar nos eventos seguintes para a Camille, como diminuir um pouco a quantidade de informações sobre os livros, melhor uso do microfone (tiveram uns convidados que não conseguiam falar no dito cujo), uma organização da apresentação por categorias dos livros mais definidinha… nada que realmente interfira na qualidade geral do evento.

evento_leya-04 evento_leya-03 evento_leya-02 evento_leya-01 evento_leya-11 evento_leya-10 evento_leya-09 evento_leya-06 evento_leya-05

Uma surpresa no começo do evento foi um hangout que as meninas fizeram com a autora de A Terra Inteira e o Céu Infinito, Ruth Ozeki. Muito simpática e solícita, ela conversou com os presentes (com tradução simultânea da Taty) e pareceu muito feliz com a oportunidade de falar com o público brasileiro.

Foi bom também para descobrir algumas novidades para o segundo semestre da editora. Vamos lá:

  • Vai sair o segundo volume da série As Flores Mais Raras, da Madeline Hunter.
  • A série Pleasures of the Night, da Sylvia Day, começa ser lançada.
  • Bel Pesce vai lançar A Menina do Vale 2.
  • Micaela Goes, apresentadora do programa Santa Ajuda do GNT, vai lançar livro homônimo sobre decoração.
  • Maldita, segundo livro da duologia Condenada de Chuck Palahniuck deve estar para sair logo. A editora já começou a colocar imagem da capa no Facebook.
  • Em setembro deve sair o terceiro volume da série Legacy, da Ruth Cardello (no blog tem resenha do primeiro e do segundo já).
  • Outubro/novembro reserva a esperada saga EarthEnd criada por Gillian Anderson, a amada-adorada-salve-salve Dana Scully do seriado Arquivo X, com co-autoria de Jeff Rovin.
  • O novo livro de Affonso Solano, dando continuidade à saga de Adapak no mundo de Kurgala, vai se chamar O Espadachim de Carvão e as Pontes de Puzur, e tem previsão para Bienal de São Paulo (mas não sei, não… :) )

Outra coisa que aproveitei para perguntar foi sobre o último livro da série Harper Connelly Mysteries, da Charlaine Harris. Daí partiu a explicação que o selo Lua de Papel, que foi pelo qual a série foi publicada, foi descontinuado pela LeYa, então, todos os livros que faziam parte da linha editorial do selo estão sem previsão de lançamento… =/ Os direitos já foram comprados, já foi traduzido, já está layoutado, só não se sabe quando (se) eles vão lançar. #todassofre

Mais algumas informações para as Pessoas que tem blog e gostariam de ter parceria com a LeYa. Todos os seus principais selos e grupos (LeYa, LeYtoras e Fantasy) estão com inscrições abertas para interessados em ser parceiros da editora. Para se inscrever na LeYa, clique aqui; para LeYtoras, aqui; e para a Fantasy, aqui.

O blog foi renovado com o grupo LeYtoras recentemente! Muito obrigada pela oportunidade! :)

Para fechar ficam as duas fotos que tirei da super “ecobag” (que tá mais para chiquebag) e do recheio que veio dentro da sacola.

evento_leya-08 evento_leya-07

Até a próxima! o/

3ª turnê intrínseca – eu fui

3ª Turnê Intrínseca 2014Desde 2012, a editora Intrínseca tem promovido um encontro com seus leitores, a cada ano aumentando a lista de cidades por onde passa, e ao mesmo tempo, o volume de pessoas que vão ao evento.

Ano passado foi minha primeira experiência na Turnê, e mesmo chegando quase na hora da distribuição de senhas, o teatro da Livraria Cultura lotou, mas não se compara ao que aconteceu este ano.

2014: pessoas chegando às 7h30 para começar a fila; às 9h30 ela (a fila) já chegava na esquina e começava uma curva para a rua seguinte; dois rapazes bêbados, provavelmente perdidos da Lapa (o bairro ~boêmio~ do Rio), enlouquecidos perto das pessoas da fila; um mendigo completamente bêbado dançando por perto no mesmo momento… é, foi ~interessante~ a espera por uma senha. A sorte é que meu marido foi comigo e eu não precisei passar por essas experiências sozinha. ^.~

As senhas foram entregues exatamente na hora que anunciaram no Facebook, então a partir das 11h, a fila começou a se mexer. Devido a quantidade absurda de pessoas, foram organizados dois horários, 13h e 15h, para atender todo mundo. Eu e meu marido ficamos na primeira sessão e fomos matar hora/almoçar.

Como o teatro só abriria a partir de 12h45, almoçamos tranquilos e voltamos para a livraria. Não sei se vocês conhecem a Livraria Cultura no centro do Rio, mas uma de suas características mais legais é uma rampa em caracol que tem várias estantes em suas voltas. E mais uma vez, a fila já estava subindo e subindo e subindo as voltas da rampa. Só conseguimos entrar na fila praticamente no terceiro andar. Aqui as pessoas foram pessoas normais… educação mandou lembrança e todo mundo estava sentado no chão, atrapalhando a passagem de quem estava transitando pela rampa. ¬¬

Depois de conseguirmos entrar, dentro do teatro ficou tão lotado que pessoas sentaram nas escadas de acesso! Sente o volume de gente que tinha!

3ª Turnê Intrínseca

O evento foi conduzido pela Heloiza, responsável pelo Marketing da editora, e auxiliado pela participação de toda sua equipe. Foi divertido ver cada uma apresentando a sinopse/resenha dos lançamentos do ano e passando suas impressões dos livros. A Heloiza comentou também o sucesso que a Intrínseca tem conseguido com os livros, principalmente A Garota que roubava livros, Cinquenta Tons de Cinza, e A Culpa é das estrelas, que está há várias semanas como o livro mais vendido em listas da Veja (59 semanas) e PublishNews.

A platéia é uma outra história. Me senti em um evento de anime dos meus anos de adolescente, onde as pessoas gritavam ao ver um personagem favorito, e vibravam com informações sobre lançamentos interessantes. E me impressionei com o quão jovem são as pessoas que foram ao evento, alguns inclusive acompanhados dos pais. Fiquei extremamente feliz com o interesse de tantos representantes da nova geração, um dos maiores focos da Intrínseca, em leitura mas, ao mesmo tempo, me assustei com a quantidade de gritos de aprovação quando o título “Cinquenta Tons de Cinza” foi comentado.

The Blood of Olympus - Rick RiordanAlgumas informações que foram passadas durante a apresentação:

  • Alguns lançamentos esperados para junho: Passarinho – Crystal Chan (que foi descrito como um A Culpa é das Estrelas); Não se apega, não – Isabela Freitas (é uma blogueira que escreve sobre como devemos amar nós mesmo ao invés de colocar essa responsabilidade em outra pessoa); Ele está de volta – Timur Vermes (o que aconteceria de Hitler voltasse nos dias de hoje?).
  • O último volume da série Os Heróis do Olimpo, The Blood of Olympus de Rick Riordan (que teve a capa divulgada essa semana, olha aí do lado), está previsto para ter lançamento simultâneo com a versão americana em outubro! \o/
  • Quem é você, Alaska? vai ter os direitos transferidos para a Intrínseca e será relançado a partir de setembro.
  • As continuações de Predestinados, Ecos da Morte, Caminho de Sangue, e O Fim de Todos Nós ainda não tem previsão de serem lançadas.
  • O próximo livro de Os Legados de Lorien e a continuação da série Feita de Fumaça e Osso estão previstos para o segundo semestre.
  • O autor de A Verdade sobre o caso Harry Quebert (lançamento de maio), Joël Dicker, vai estar presente na FLIP deste ano, e a editora pretende fazer um certo alarde quanto a isso logo, logo.

As perguntas da plateia giraram em torno de lançamentos, filmes (oi? O.o) e continuações, então eu meio que fiquei com vergonha de sair da linha para fazer a minha. O que eu queria saber é se a Intrínseca pretendia entrar na onda dos New Adults (que eu acho que está começando a diminuir e se estabilizar) e, se sim, por qual autor(a) eles começariam. Mas fiquei na vontade. XD

O resultado final do evento eu já mostrei no Instagram mas eu trago a foto de novo para vocês verem. A caixinha de brinde com várias lembrancinhas, e comprei Pandemônio, o segundo livro da distopia Delírio.

3ª Turnê Intrínseca

Confesso que, levando em consideração o volume de pessoas que apareceram este ano, não sei se teria disposição para comparecer em um próximo evento. Acho que estou ficando velha demais para algumas atitudes de jovens/adolescentes. Uma pena porque valorizo muito essa proximidade com a editora incentiva com seus leitores. =/

Organização perfeita, apresentação estupenda, dedicação e carinho pelo leitor impressionante e extremamente louvável! Muito obrigada pela oportunidade editora Intrínseca. ^.^

Até a próxima! o/

FikDik: Apesar das informações terem sido passadas pela equipe, fiquem sempre atentos aos canais oficiais da Intrínseca (Facebook, Twitter e Instagram) para confirmar qualquer dúvida.

evento de divulgação editora id – as feiticeiras de east end

…ou minha primeira experiência falando de livros em público e de microfone na mão. O.O

Assim ó:

evento iD - As Feiticeiras de East End

Pois é, Pessoas. A editora iD convidou alguns de seus blogueiros parceiros para moderar o evento de divulgação da série As Feiticeiras de East End. Quando eu recebi o email minha primeira reação foi “não acredito que me escolheram O.o”; que evoluiu para “que legal o reconhecimento ^.^”; que evoluiu para “eu quero! Acho que consigo pensar em algo legal para fazer em um evento \o/!”. Mas para ser sincera, 10 minutos antes de começar o evento meu único pensamento era “por que eu fui inventar uma coisa dessas?! O.O”.

picard-facepalm-oPode não parecer aqui no blog ou no Facebook, uma vez que minha “persona” digital é levemente despojada, mas eu sou bastante introspectiva e relativamente tímida. Então, quando chegou a hora H do evento eu quase entrei em pânico. Estava meio transtornada e tudo o que eu tinha preparado e estruturado na cabeça… puf! evaporou! Eu inclusive esqueci de me apresentar e falar do blog! >.<

Mas estou me adiantando. Das blogueiras do Rio, eu e a Fernanda do Lendo e Esmaltando aceitamos o convite para moderar o evento. Acho que vocês sabem como funciona a blogosfera, né? Muitas vezes você conhece o blog, mas não faz ideia de quem está por trás. Então foi uma oportunidade legal conhecer outra menina aqui do Rio. Sou meio frenética com preparação e organização e fiz uma estrutura do que poderia ser falado durante o evento e dividi com Fernanda, para juntas bolarmos a melhora estratégia.

#tensa #nervosa #ohmeudeusdoceu
Falei que estava nervosa?! Pois é, preparação foi para o espaço! Ainda bem quem compareceu, por volta de 15 pessoas (fora uns curiosos que passavam pelo espaço) foram super receptivos e (eu acho) gostaram da nossa interação uma com a outra e com a forma como conduzimos a apresentação. A iD mandou um baralho com sugestões de perguntas e nós o transformamos em uma maneira de aproximar o público da gente. Eles sorteavam a carta e Fernanda e eu dávamos nossa opinião, seguindo o comando que estava escrito. Do tipo “não sabia que…” “…o livro era livremente baseado na mitologia nórdica”.

Lembram dos brindes que andei postando na timeline do Facebook? Todo mundo pôde levar pelo menos um dos mimos que a editora mandou para casa, além de chaveiros super fofos da série. E sabem do que mais? Sobraram alguns, além de marcadores de O Beijo da Serpente, o segundo volume da série. Alguém gosta de um sorteio?! ^.~

No fim das contas, eu acabei gostando muito da experiência. Falta uma vida inteira para chegar perto da desenvoltura e segurança que a Frini (do Clube do Livro Saraiva) demonstra nos encontros, mas serviu para me mostrar que, se eu me dedicar e me preparar para alguma coisa, seja ela o que for, independente do nervosismo, eu consigo. E com um sorriso no rosto! ^.~

Para os que gostam de fotos, vou colocar algumas aqui, mas vocês podem acessar todas lá na fanpage do blog. Elas foram tiradas tanto pelo meu marido, quanto pelo Rodrigo Barionovo, marido da Priscila do Sou Eu, Pri.

evento_id01 evento_id02 evento_id03

evento_id05 evento_id09 evento iD - As Feiticeiras de East End

evento_id08 evento_id06 evento_id07

Evento iD - Divulgação As Feiticeiras de East End evento_id04

Fica aqui meu agradecimento à editora iD pelo convite e oportunidade de driblar a timidez e ter uma ótima experiência. Espero sinceramente que todos que compareceram tenham se divertido tanto quanto eu. ^.^

Até a próxima! o/

ps: beijo no coração do meu marido que foi um super suporte nas semanas que antecederam o evento e no dia propriamente dito. E também para as queridas Raffa Fustano (A menina que comprava livros) + Gabriel e Ly Netto (Brincando com Livros) + Carlos Barbosa por terem se deslocado ao reino tão, tão distante da Barra da Tijuca. <3

divulgação para a Bienal e entrevista

Oi Pessoas, como estão? Empolgados com a aproximação em rota de colisão da Bienal RJ? Eu estou! Ficando tensa porque ainda não fiz minha rota nem decidi que dia vou nem fiz minha lista de compras nem sei como vou fazer para chegar até lá… u.u

Mas isso não é importante! Gostaria de fazer uma divulgação de lançamento de livro nacional que vai acontecer durante a Bienal! (xi, rimou. :) )

Recentemente uma fã de uma jovem autora entrou em contato aqui no blog para sugerir a leitura de seu livro (oi Verônica! ^.~). Ela fez questão de me colocar em contato com a autora que me enviou um e-book de seu lançamento, A Herdeira do Mar, para ser resenhado aqui. (obrigada pela oportunidade! m(__)m)

O livro está consumindo meus dias, gente ele é enorme!, mas está valendo todos os segundos que me dedico à leitura! Por isso eu gostaria que vocês conhecessem a autora Ize Chi Kiohaan e sua obra. Ela vai estar na Bienal vendendo cópias de seu lançamento e, inclusive, presente no evento no dia 7 de setembro para autografar assim que vocês comprarem! Mesmo tendo o e-book, pretendo comprar uma cópia física para mim.

Então segue o banner de divulgação do lançamento da Ize.

Vocês podem conhecer mais sobre a autora e a obra no site oficial do livro: http://www.aherdeiradomar.com.br, inclusive adquirindo um exemplar por lá. Se você preferir, pode comprar a versão digital nas lojas Kindle, Kobo e Saraiva.

E para terminar, eu fiz um pequeno ping-pong com a Ize e coloco aqui para que vocês acompanharem comigo.

ize-chi-kiohann

Parafraseando Livros: Quais foram as suas influências como escritora?

Ize Chi Kiohaan: Hum, acredito que tenham sido as obras do Sidney Sheldon. Eu li basicamente todos os livros dele desde os meus doze anos, repetidamente.  Sempre amei a forma como ele conseguia escrever sobre qualquer cenário – mercado imobiliário, advocacia, roubos internacionais, medicina – de forma tão intensa! As obras dele mostravam que ele era um excelente pesquisador, além de mestre da ficção. Não há livro dele em que eu não fique presa do início ao fim! Teve outros autores, como Bernard Cornwell, mas diria que o Sr. Sheldon foi realmente minha maior influência.

PL: Quais são suas principais fontes de inspiração para escrever?

ICH: Eu não creio que eu me inspire em nada específico. Lógico que, ao final, tudo acaba inspirando o autor, pois é a vida dele que, de certa forma, define a obra. Por exemplo, eu acredito em amor verdadeiro, um para a vida toda; não sou fã de histórias que envolvem triângulos amorosos, por não acreditar que aquilo seja amor. Também acredito em destino, onde o que é para acontecer, vai acontecer. Posso considerar que isso foi influência do amor que sinto pelo meu marido, e por nossa história ter se desenvolvido de forma tão… Peculiar =)

PL: Em A Herdeira do Mar, dá para perceber uma grande influência da mitologia grega. Como foi sua pesquisa sobre o tema e a experiência de criar a sua visão dos mitos?

ICH: Definitivamente, foi interessante rs

Eu li diversos mitos e relatos de sereia, desde em clássicos, como “Os Argonautas” do Apolônio de Rhodes aos relatos de Platão sobre Atlântida. Fiz questão de ler o original de “A Pequena Sereia” do Hans Christian Andersen, além de relatos de aparições sobre sereias (curiosidade: o prólogo se passa na baía de St. Ives, na Cornualha, porque há relatos históricos de aparições de sereias no local).

No meio de toda essa leitura meu cérebro foi trabalhando por conta própria, realizando vários “links”… Na hora que li um mito onde o deus Poseidon só podia ter filhos homens veio o bang! que derivou todo o resto. A partir daí… Bom, só lendo o livro para entender rs

PL: Quem seriam os atores que você escolheria para viver Cordélia e Morgan se seu livro virasse filme?

ICH :Eu diria que… Nenhum conhecido atualmente. Consigo imaginar perfeitamente o livro virando o filme (e desejo ardentemente em meus maiores sonhos), mas se isso acontecesse, eu gostaria que os atores fossem completos desconhecidos pelo público.

Acho que, como autora da obra, tendo a pensar em meus personagens como únicos; daí, não consigo vê-los com o rosto de nenhum ator ou atriz conhecidos.

(PL: eu perguntei porque sou uma negação para imaginar pessoas. Meus personagens acabam sendo um corpo sem rosto e com cabelos, mas não consigo encaixar direito as feições… XD Aí, uma aproximação com atores sempre me ajuda.)

PL: Quais gêneros/estilos literários você mais gosta?

ICH: Tudo! rs

Sério, eu realmente leio de tudo. Tenho preferência por ficção, mas gosto de literatura fantástica, histórica, chick-lit, romances, hots, pesquisas acadêmicas (?!)… Eu simplesmente não me canso de ler!

PL: Que livros você indicaria para os leitores? Quais seus livros favoritos de “todos os tempos”?

ICH: Que pergunta mais difícil! rs

Tenho tantos “favoritos” que fica difícil escolher um. Acho que eu indicaria o primeiro do Sidney Sheldon que li, “Se Houver Amanhã”, pois foi ele que me despertou para a maravilha da ficção (e para personagens femininas de personalidades fortes).

PL: Existem planos para uma próxima obra?

ICH: Dezenas! Acho que a essa altura já tenho até um plano para dominar o mundo rs

Brincadeira à parte, “A Herdeira do Mar” é o primeiro volume de uma trilogia. Já tenho os planos para o segundo e terceiro volume, e já venho realizando as pesquisas necessárias para escrevê-los. Posso garantir uma coisa: a continuação não será “mais do mesmo”. Não espere dramas parecidos com os do primeiro volume, pois o foco será completamente diferente.

Em AHdM, temos a Cordélia se descobrindo como sereia e como princesa, mas ainda vivendo sua vida como humana. O segundo volume não só acontecerá inteiramente dentrodo mar, como também trará uma visão interessante em alguns capítulos: o de nosso vilão Zózimo.

Além desse, tenho planejado outras duas séries de livros, uma delas já com o primeiro livro em estado avançado (mas que muito provavelmente reescreverei desde o início, em minha mania obsessiva de buscar a perfeição).

PL: Onde os leitores podem encontrar a Ize online?

ICH: Acho que por todos os meios possíveis rs

Vivo conectada, especialmente depois que adquiri um iphone. Logo, costumo responder os e-mails rapidamente (ize.chi.kiohaan@gmail.com) e também as mensagens enviadas pela página do facebook (www.facebook.com/AHerdeiraDoMar). Não acesso muito meu Twitter, mas também respondo por lá (@IzeChi). Basta entrar em contato que eu dou um retorno =)

E é isso, Pessoas! Espero que vocês, assim como eu, também se interessem pela obra da Ize e prestigiem a autora! Sério, vale muito a pena, logo logo resenha no blog para vocês! ^.~

Até a próxima! o/

lançamento da Fantasy e eventos pelo Brasil

Lançamento de julho da Fantasy – Casa da Palavra, o novo livro de Carolina Munhóz traz mais uma de suas fadas em uma capa chiclete-pop-ídolos!

capa do livro Feérica - Carolina Munhóz

Feérica [skoob] – Carolina Munhóz

E SE UMA FADA SE REVELASSE EM UM REALITY SHOW?

Violet Lashian tem apenas um objetivo: ser famosa em seu mundo. Mas quem nunca se seduziu por esse pensamento?

Ignorada pelas fadas de uma sociedade que preza a padronização, a jovem de cabelos roxos decide abandonar seu sofrimento em busca de um lugar entre as estrelas de Hollywood.

Bastidores de reality shows. Festas badaladas. Encontros amorosos com jovens milionários. Entrevistas em rede mundial. Fama instantânea, dinheiro e poder. De repente, a feérica se vê cercada pela realidade com que sempre sonhou. Mas será que Violet é capaz de manter a pureza de sua raça mágica em um mundo corrompido pelo deslumbre material? E quais seriam as reais consequências de sua revelação para a existência oculta de seu povo?

Vai, me diz se essa capa não é bubbaloo-reality-show? XD Eu confesso que me surpreendi com a escolha dessa linha gráfica depois das capas fotográficas, sóbrias e elegantes dos livros anteriores da autora.

No facebook Carolina contou um pouquinho de onde surgiu a inspiração para criar a história de Violet, e durante todo o mês de julho não só ela como outros autores da Fantasy vão passear pelo Brasil para autografar seus lançamentos.

Quer ter a oportunidade de conhecer Affonso Solano, Carolina Munhóz, ou Fábio Barreto (que veio diretamente dos EUA para conhecer os fãs)? É só ficar de olho na agenda da Fantasy e ver quando os autores vão passar pela sua cidade.

Agenda Fantasy - Munhóz, Barreto e Solano

Não sei se vou conseguir ir ao lançamento de Feérica aqui no Rio (desculpa Carolina u.u), mas pretendo ir na tarde de autógrafos do Fábio Barreto no dia 21/7 porque, afinal, o cara veio lá de fora marcar presença com os leitores. Já garanti o autógrafo no meu Espadachim de Carvão! ^.~

Até a próxima! o/

preparem-se para a 2ª turne Intrínseca!

 turne_intrinseca_cidades_Blog (1)

Em maio a equipe da Intrínseca cai novamente na estrada para a 2ª Turnê Intrínseca, série de encontros com leitores, blogueiros e fãs de literatura. Após o sucesso da primeira edição, que reuniu quase 1.000 pessoas em nove cidades, a 2ª Turnê desembarcará em 14 cidades: Recife, Fortaleza, Natal, Salvador, Brasília, Cuiabá, Manaus, Belém, Curitiba, Porto Alegre, Florianópolis, Belo Horizonte, São Paulo e Rio de Janeiro.

O objetivo é o mesmo: aproximar a editora, os fã-clubes e os leitores, e oferecer conteúdo inédito, como capas, vídeos, curiosidades, bastidores e notícias exclusivas sobre os lançamentos e os autores publicados pela Intrínseca.

Acompanhe a Turnê no site: www.intrinseca.com.br/turne.

Confira a programação:

Me permiti organizar as cidades de acordo com as datas, para ficar mais fácil a consulta. Quando a Intrínseca vai passar perto da sua casa?! ^_^

MAIO

Brasília – DF
Data:
Sábado, 11 de maio, às 14h
Local: Livraria Cultura — Shopping Center Iguatemi Brasília
Endereço: Shin CA 4, Lote A — Lago Norte
Confirme presença no evento do Facebook

Cuiabá – MT
Data:
Domingo, 12 de maio, às 16h
Local: Livraria Janina — Pantanal Shopping
Endereço: Av. Historiador Rubens de Mendonça, nº 3.300 – Loja 204 — Jardim Aclimatação
Confirme presença no evento do Facebook

Recife – PE
Data: 
Sábado, 25 de maio, às 16h
Local: Saraiva MegaStore — Shopping Recife
Endereço: Rua Padre Carapuceiro, 777 — Boa Viagem
Confirme presença no evento do Facebook

Natal – RN
Data: Domingo, 26 de maio, às 16h
Local: Saraiva MegaStore — Shopping Midway Mall
Endereço: Avenida Bernardo Vieira , 3.775 – Loja 327 – Piso L3 — Tirol
Confirme presença no evento do Facebook

JUNHO

Manaus – AM
Data:
Sábado, 1º de junho, às 15h
Local: Saraiva MegaStore — Manauara Shopping
Endereço: Av. Mario Ypiranga Monteiro, 1300 — Adrianópolis
Confirme presença no evento do Facebook

Belém – PA
Data:
Domingo, 2 de junho, às 15h
Local: Saraiva MegaStore — Boulevard Shopping
Endereço: Av. Visconde de Souza Franco, 776 – Loja 233 — Reduto
Confirme presença no evento do Facebook

Curitiba – PR
Data: Quinta-feira, 6 de junho, às 19h30
Local: Livrarias Curitiba — Shopping Estação
Endereço: Av. Sete de setembro, 2775 – loja 1108 — Centro
Confirme presença no evento do Facebook

Porto Alegre – RS
Data:
Sábado, 8 de junho, às 16h
Local: Saraiva MegaStore — Praia de Belas Shopping Center
Endereço: Av. Praia de Belas, 1181 – 2º Piso
Confirme presença no evento do Facebook

Florianópolis – SC
Data:
Segunda-feira, 10 de junho, às 19h30
Local: Livrarias Catarinense — Beiramar Shopping
Endereço: Rua Bocaiúva, 2468 – Piso Joaquina, lojas 247 e 248 — Centro
Confirme presença no evento do Facebook

Fortaleza – CE
Data:
Sábado, 15 de junho, às 16h
Local: Livraria Saraiva — Shopping Iguatemi
Endereço: Av. Washington Soares, 85 — Edson Queiroz
Confirme presença no evento do Facebook

Salvador – BA
Data:
Domingo, 16 de junho, às 15h
Local: Saraiva MegaStore — Salvador Shopping
Endereço: Av. Tancredo Neves
Confirme presença no evento do Facebook

São Paulo – SP
Data:
Sábado, 22 de junho, às 15h
Local: Saraiva MegaStore — Shopping Center Norte
Endereço: Travessa Casalbuono, 120 – Loja 414 — Vila Guilherme
Confirme presença no evento do Facebook

Belo Horizonte – MG
Data:
Domingo, 23 de junho, às 16h
Local: Livraria Leitura — BH Shopping (3º Piso)
Endereço: BR 356 – nº 3.049 — Belvedere
Confirme presença no evento do Facebook

Rio de Janeiro – RJ
Data:
Sábado, 29 de junho, às 16h
Local: Livraria Cultura — Cine Vitória
Endereço: R. Senador Dantas, 45 — Centro
Confirme presença no evento do Facebook

fonte (Blog das Séries)

Página 1 de 212