resenha

Sedução da Seda – Loretta Chase

14 jul 2016
Informações

sedução da seda

loretta chase

arqueiro

série as modistas #1

288 páginas | 2016

4.25

Design 3.5

História 5

Talentosa e ambiciosa, a modista Marcelline Noirot é a mais velha das três irmãs proprietárias de um refinado ateliê londrino. E só mesmo seu requinte impecável pode salvar a dama mais malvestida da cidade: lady Clara Fairfax, futura noiva do duque de Clevedon.

Tornar-se a modista de lady Clara significa prestígio instantâneo. Mas, para alcançar esse objetivo, Marcelline primeiro deve convencer o próprio Clevedon, um homem cuja fama de imoralidade é quase tão grande quanto sua fortuna.

O duque se considera um especialista na arte da sedução, mas madame Noirot também tem suas cartas na manga e não hesitará em usá-las. Contudo, o que se inicia como um flerte por interesse pode se tornar uma paixão ardente. E Londres talvez seja pequena demais para conter essas chamas.

Primeiro livro da série As Modistas, Sedução da seda é como um vestido minuciosamente desenhado por Loretta Chase: de cores suaves e românticas em alguns trechos, mas adornado com os detalhes perfeitos para seduzir.

Design

Vocês me perdoam se eu disser que fiquei confusa com essa capa? Eu não sabia se a modelo estava indo ou vindo… O.o E às vezes ainda me confundo se ela está de frente mesmo. Acho que provavelmente é culpa do decote geométrico do vestido, que poderia estar no colo ou nas costas da moça…

Vamos de mais uma capa de moça decapitada? Vamos, né… Gente, vamos deixar essas moças terem cabeças, pelamor. A gente não precisa de uma imagem inteira de vestido para saber que o livro é de época. Tudo bem que a cor desse vestido em específico é muito bonita e criou uma paleta bem interessante para capa. Mas mesmo assim! Cabeças! O.O

Gostei das tarjas coloridas que criam as áreas visuais para o nome da autora e do título do livro. As cores combinaram bem e ficaram harmônicas com a imagem. Espero que, já que estamos falando de uma série, que todas as outras capas mantenham a mesma posição do elementos, e que eles não fiquem passeando verticalmente. De certa forma, a imagem tem que servir à estrutura criada, e não o contrário.

Além disso, ficou uma combinação bem legal de fonte em caixa alta com um cheiro de Trajan para o nome da autora, e uma fonte mais caligráfica para o título. Um resultado bastante elegante e bonito.

Quanto ao miolo, estamos falando do padrão da Arqueiro, funcional e correto, mas sem nenhuma inovação na estrutura.


História

Torço para que ninguém me peça um dia para escolher minha autora de romances de época favorita, porque vou ter problemas sérios de ansiedade e indecisão. :P A cada livro que eu leio obviamente eu mudo de opinião de quem é a “melhor” e dona do meu coração.

Loretta Chase já tinha sido uma descoberta maravilhosa em O Príncipe dos Canalhas; em O Último dos Canalhas ela não conseguiu ser melhor do que no primeiro, mas agora em Sedução da Seda, a autora realmente se excedeu.

Ela criou não uma, mas três personagens femininas fortes e decididas, em uma só família. Sedução da Seda conta a história das três irmãs Noirot, filhas de um casal de trambiqueiros, cada uma com uma responsabilidade muito definida dentro da loja de moda de Marcelline, a mais velha. Leonie tem mais a ver com os números e cuida do dinheiro e do livro caixa da loja. E Sophie, a mais nova, é muito criativa e consegue plantar notícias nos jornais de Londres de forma a melhorar o marketing. (Espero não ter trocado o nome das outras irmãs… O.o)

O problema é que por mais que seus desenhos e vestidos sejam melhores e mais bonitos, elas tem uma concorrente muito forte que está há muito mais tempo no mercado. Nos negócios da moda, se você tem um grande nome associado à sua loja, invariavelmente, todas as outras ladies vão procurar por seus vestidos.

E é disso que Marcelline e suas irmãs estão atrás. De uma grande dama para “amadrinhar” a loja e finalmente roubar toda a atenção para seus vestidos. O mais recente boato é que o Duque de Clevedon finalmente vai voltar à Londres, depois de anos de devassidão no continente, para se casar com sua amiga de infância. Essa é a melhor oportunidade para as irmãs Noirot finalmente alcançarem a fama com a loja: vestir a esposa de um duque!

Abre um parêntesis de realidade aqui. Cara… esses homens deviam chegar no casamento cheio de doenças venéreas de tanta devassidão e cortesãs e prostitutas que tinham no currículo. Fico com pena das mulheres que eram obrigadas a se manterem “castas” para o casamento e provavelmente pegavam várias doenças dos próprios maridos… Fecha parêntesis de realidade.

Para isso, Marcelline vai para França, usar todo o seu charme e beleza para convencer Clevedon que tudo o que sua futura esposa precisa para se sobressair entre a realeza são seus maravilhosos vestidos. Só que o Duque fica mais interessado na maravilhosa dama, que o encantou muito mais, além de seus esplêndidos vestidos.

Uma das coisas mais legais de Loretta Chase é a construção de seus personagens, de todos os cenários e acontecimentos por onde passam para desenvolver a história. O foco não está somente centrado no casal principal, aqui no caso Marcelline e Clevedon, mas existe muita coisa acontecendo no entorno deles. A espiã entre as costureiras da loja, a dúvida sobre se Clevedon realmente ama sua amiga de infância, as notícias e “escândalos” que ajudam a divulgar as Noirot, as promessas de entregas dos vestidos. Tudo isso envolve o interesse entre o duque e a estilista, e faz com que a história crie dinamismo e se torne ainda mais envolvente, indo além do romance e dos encontros sexuais dos dois.

É legal também a autora ter colocado Marcelline como uma viúva com uma filha pequena, e como é o relacionamento entre elas, e depois, com Clevedon e lady Clara (a amiga de infância do Duque e futura Duquesa). Além disso, Marcelline é uma mulher madura, não uma virgem inexperiente, então ela sabe o que deseja e o que está comprometendo ao se ver apaixonada pelo duque.

Delicioso! Definitivamente delicioso! Quero muito que as outras irmãs, em seus próprios livros, tenham tanto carisma, força de personalidade e histórias tão interessantes quanto foi a de Marcelline. <3


Até a próxima! o/

banner-resenha-arqueiro_2016

Você também vai gostar

Nenhum comentário

Deixe uma resposta